quinta-feira, 27 de setembro de 2012 | By: Mel Santos

Amor - amigo



quando almas se reconhecem,

e se atraem pela lei de Newton,
o inevitável acontece:a amizade,
brotando um amor puro e bonito!

O coração vira uma orquestra
a batuta é o olhar...e a ordem
do maestro é:amar,amar,amar!

[Meu sangue rio caudaloso,afluente
para o teu mar! O desejo dessa
nascente:é fundir-se e abraçar!]

Esse amor que de repente
chega sem avisar,eclode
a flor da gente, e quer ver
o outro brilhar!

Aí meu amigo...não tem jeito,
somos Lótus!...Inda que saídos
do lodo,exalamos "o bom"perfume
e ascendemos na "velha chama"!


[Esses versos que te fiz
te entrego com coração;
vem...finca tua raiz...
prova do meu amor
e vais ver como ele bom...]


Mel



Licença Creative Commons

















4 comentários:

André Taroco Corretor de Imóveis - Creci 82.281 disse...

Muito Bom, Abraço...

Mel Santos disse...

Boa tarde André,obrigada pela gentileza ,um grande abraço!

Moacir Willmondes disse...

Um convite assim, com pétalas pelo caminho é praticamente andar sem sentir os pés no chão, tomados pelas mãos em cada verso...

Mel Santos disse...

Bom dia Moacir Willmondes !
Sim...é verdade,sobretudo,somente por ser poesia já é andar sem sentir os pés no chão...um abraço e muito obrigada por sua presença!

[Gosto de citar uma poesia para complementar o sentido de outra...e nada como esses grandes poetas]


Mas o que quer dizer este poema? - perguntou-me alarmada a boa senhora.
E o que quer dizer uma nuvem? - respondi triunfante.
Uma nuvem - disse ela - umas vezes quer dizer chuva, outras vezes bom tempo...


[Mario Quintana]

Postar um comentário

Se gostar deixe um comentário

Mel