terça-feira, 21 de agosto de 2012 | By: Mel Santos

Caminhada



Então...já que vamos caminhar juntos
me segura quando eu cair,dá-me o colo
que te pedi...pois sei,que és mais forte
que eu,tu brigas aos murros com a vida

Tens uma força na língua e nos braços que 

admiro e invejo;sempre foste o mais forte 
da turma,o qual defendia os amigos com 
unhas e dentes, sem vacilo e sem tropeço!

Pena que és tão rancoroso,podíamos
ter 
sido grandes amigos,mas tu negaste a mim
teu carinho e teu sorriso,escolheste o desamor...

Sem problema,te guardo aqui em meu
peito;
e mesmo que eu quisesse arrancar,não consigo,
cada dia brotas de um jeito:[como erva daninha]


 
Mel


 

Licença Creative Commons
















0 comentários:

Postar um comentário

Se gostar deixe um comentário

Mel