quarta-feira, 25 de julho de 2012 | By: Mel Santos

Sou tua


Poesia...

Quero explodir de amor

e gritar:
- Eu te amo!
Quero beber tuas estrofes ,

provar dos teus versos
mais profanos...
 

Deixa eu me afogar
em tuas rimas?...
Quero-te poesia

só tu me anima!

Penetra em minh'alma,

orvalha minhas palavras,

extasia meu olhar nas cores do arco
da íris, naufraga-me com tua nau,
faz-se pétala em meus pensamentos,
conduz os meus dedos Mel ao caos,

semeia em meus ouvidos as estrelas 
de tua quintessência,
rompe o hímen dos meus desejos,
e finalmente escorre teu sêmen
em minha boca desértica...


 Poesia ...

Deixa eu te sonhar,

faz-se noite poética em meu dia,
faz cabana em minha carne
Poesia... Sou tua,

me chama...
...vem cá...



Mel


Licença Creative Commons










1 comentários:

Claudemir Resende disse...

Uma entrega fabulosa à poesia, Mel, amei."Dela" eu também sou e para "ela" eu vou... Beijos.

Postar um comentário

Se gostar deixe um comentário

Mel