terça-feira, 24 de julho de 2012 | By: Mel Santos

Lual de Mel



Deite-me em teus braços n'areia
sob a luz do Luar...Por testemunhas
somente as estrelas,e teu amor pra 
pra me iluminar...

Deusa,rainha,sereia...Nem sei...
...me embriaguei de ti e do amor 
que disseste sentir...dessa tua febre de
amor que veio me contaminar...

Ainda ouço tua voz explodindo em mil cores,
rompendo a barreira do som...
dos sonhos de amores,em ecos nas ondas do mar...
Num longo beijo de aura...beijo de encantar!

Sem ao menos tocar meu batom...
Não,não fizemos amor,foi apenas
um toque sutil de um beijo bom,
um toque...que nem se tocou!



 Mel


Licença Creative Commons








2 comentários:

Malu disse...

Passando para agradecer seu carinho em acompanhar minhas páginas e estou acompanhando a sua. Grata

Claudemir Resende disse...

Lindo Mel, o amor, realmente, tem mil maneiras de se fazer sentir. Beijos. Adorei Lenine!

Postar um comentário

Se gostar deixe um comentário

Mel