quinta-feira, 2 de agosto de 2012 | By: Mel Santos

Evolução?



 
Quando a máquina acelera
o coração,
quando não mais se reconhece
o vizinho,
tampouco o irmão,
quando quem sabe o seu segredo
nunca viu o seu olhar,
vive do outro lado do planeta
nas terras do Japão;
Algo errado não está certo,
ou a realidade é ilusão;
Quando a palavra toca a boca,
num orgasmo solitário,
quando amar é respirar,
um sentimento necessário,
Algo errado não está certo
Quando a saudade dói na pele,
Quando a palavra certa,
ou uma palavra errada,
aproxima ou repele...
Algo errado não está certo
Quando os sussurros são mudos,
e o silêncio ecoa n'alma,
Algo errado não está certo

Algo errado não está certo
Quando a máquina se humaniza
e o homem vira máquina,

Algo errado não está certo
Quando o amor virou um chip
e o pensamento criou asa,
Algo errado não está certo
Quando a palavra lamparina
é um email que escraviza,
Algo errado não está certo
É tempo de voltar pra casa;
Será evolução da espécie
ou hora de virar a página?
Algo errado não está certo,
Quando abri-se a janela do 

computador,
e fecha-se a janela d'alma,
Algo errado não está certo,

Calma,calma,calma, calma,calma...


Mel







Licença Creative Commons

2 comentários:

Claudemir Resende disse...

É minha amiga, sempre temos que estar alertas quando algo errado não está certo. Um beijo!

Malu disse...

Passando para rever este belo espaço que sempre nos brinda com belos poemas.
Deixo um grande abraço!!!

Postar um comentário

Se gostar deixe um comentário

Mel